Participação em Projeto de Pesquisa LEdoC/FURG - Educação Patrimonial em São Lourenço do Sul

A EDUCAÇÃO PATRIMONIAL NOS MOVIMENTOS SOCIAIS DO CAMPO EM SÃO LOURENÇO DO SUL, RS, BRASIL.

 

O projeto de pesquisa intitulado "Educação Patrimonial nos Movimentos Sociais do Campo em São Lourenço do Sul" tem como meta trabalhar as representações culturais sejam elas de cultura material ou imaterial, através de atividades tipo oficinas para amplificar caracteres de identidade cultural do sujeito coletivo do campo. Existem, nesse sentido, inúmeras oficinas artesanais que fomentam e reforçam a diversidade cultural do campo. Mesmo tendo, na maioria delas, o trabalho com cerâmica a sua base, a trança de couro, amarras com palha e bioconstruções também são algumas alternativas na produção cultural.
Nas diferentes localidades do interior do município de São Lourenço do Sul, destacam-se a do Boqueirão, Boa Vista e Santa Augusta, as mais antigas respectivamente. Nas estradas vicinais são identificadas pequenas agrovilas, algumas delas identificadas como quilombos, outras mais afastadas, possuem cemitérios antigos que os moradores associam aos primeiros povoadores pomeranos na região. A diversidade, portanto, de saberes e fazeres encontra-se predominantemente entre descendentes de imigrantes alemães e quilombolas afro-descendentes provindos das charqueadas pelotenses. O componente cultural indígena está concentrado nas proximidades da BR-116 e nos vales dos rios Canguçu e Camaquã (TI Pacheca).
As atividades de pesquisa com estes três importantes componentes culturais: o quilombola, o indígena e o pomerano, que representam os movimentos sociais do campo em São Lourenço do Sul, se resumem em visitar as localidades e identificar os seus fazeres tradicionais para recriá-los em oficinas práticas noutras comunidades com identidades culturais semelhantes. A intenção de mapear e registrar os saberes culturais locais, tem por objetivo criar um banco de dados sobre as manifestações artísticas manuais que produzem cultura material, tais como a confecção de panelas e cahimbos de barro, a produção de colares, a confecção de instrumentos, estátuas para festas e rituais. Com isso, deseja-se buscar elementos culturalmente aglutinadores para o empoderamento dos movimentos sociais do campo, exercitando através de oficinas culturais a prática da cidadania e o fortalecimento do sujeito coletivo do campo.

  • Fichas de inscrições

    • Inscrições no Projeto de Pesquisa 385 - Educação Patrimonial em São Lourenço do Sul de 14/09/2020 08:00:00 até 30/09/2020 23:59:59    [Consultar Inscrição]
Banner NTI